Consulado Mineiro

Um dos restaurantes preferidos do meu irmão é o Consulado Mineiro. Desde que ele chegou em SP  costuma ir almoçar lá direto, e nunca enjoa. Quando vim passear em SP com a minha mãe há uns 2 anos, eles nos levou lá para conhecer. Ficamos encantadas. Minha mãe tinha quebrado o punho, e por isso estava engessada na foto, coitada!

IMG00287-20110327-1257

O lugar é pequeno, uma sobradinho apertado, mas muito charmoso. Fica bem em frente a praça Benedito Calixto ( há uma outra unidade, que não conheço) onde acontece a tradicional feirinha. Os móveis são todos meio antigos, de antiquários, lembrando um casarão mineiro de outros tempos.

2013-01-06 15.46.07

Nem preciso dizer que a culinária escolhida é a mineira, em porções super fartas, saborosas e muito bem temperadas. Os pratos são tão grandes que talvez até 3 pessoas consigam comer numa só pedida! Sempre que vamos comemos a costelinha, que acompanha tutu de feijão, arroz branco, couve, torresmo, costelinha e linguiça. Pedimos banana frita e ovo a parte. A comida vem em cumbucas de barro fundas. Já comi também a galinhada, é maravilhosa.

2013-01-06 15.33.32

A comida fica pronta em pouquíssimo tempo, acho que é o lugar em que servem mais rápido os clientes! Mas em compensação, sempre tem filas, então é melhor colocar o nome na lista, e esperar na calçada, tomando uma caipirinha ou cerveja. A mesa mais disputada é a da sacadinha, nunca conseguimos pegá-la!

2013-01-06 15.27.13

Recomendo mil vezes!! Os preços são bem camaradas, por que o prato dá pra duas pessoas, então acaba saindo barato. Comida mineira de primeira qualidade!

COMO CHEGAR:

Praça Benedito Calixto nº 74

2 comments

  1. Ivan Gouvêa says:

    Hum! Vc sabe que sua descrição chegou a dar água na boca, Carol! Talvez seja porque pouca gente saiba fazer uma comidinha mineira como sua vó Dirce fazia. Era para agradar ao Adita, todos sabemos. Ah! Outra coisa. quando moramos em Sampa, nosso apartamento ficava a três quadras da praça Bendito Calixto, onde alías, ficava a agência do Bradescoem que mantivemos conta. Parabéns pela crônica. Ótima, como sempre.

Deixe um comentário!