Homem de la mancha

A montagem do musical “O homem de la mancha”, de Miguel Falabella, que estava no teatro SESI gratuitamente, e foi um sucesso absoluto (não consegui ingresso, tamanha a procura na época), teve sua reestreia no teatro Alfa neste ano, com vários atores do elenco original, especialmente Dom Quixote, Sancho Pança e Dulcinéia. A peça ganhou vários prêmios, como o APCA de Melhor Espetáculo de Teatro e Melhor Ator de Teatro para Cleto Baccic.

Fui assistir e fiquei encantada! É um musical antigo, de 1965, montado no Brasil pela primeira vez em 1972, mas que tem músicas clássicas, que você reconhece mesmo não conhecendo nada sobre ele. Essa foi minha sensação, quando ouvi, por exemplo, The impossible dream, ou Dulcinéia. A parte musical é linda demais!

20170312_185908_32603260073_o

A história começa quando Miguel de Cervantes é internado em um manicômio (na versão original é uma prisão), e tem que defender-se em um julgamento proposto pelos demais internos. Ele recorre então a sua obra máxima, Dom Quixote, e passa a contar as aventuras de Alonso Quijana como o cavaleiro errante.

Quando fui assistir, a cantora Fafá de Belém fez uma participação especial, e foi muito bom poder vê-la ao vivo.