Homem de la mancha

A montagem do musical “O homem de la mancha”, de Miguel Falabella, que estava no teatro SESI gratuitamente, e foi um sucesso absoluto (não consegui ingresso, tamanha a procura na época), teve sua reestreia no teatro Alfa neste ano, com vários atores do elenco original, especialmente Dom Quixote, Sancho Pança e Dulcinéia. A peça ganhou vários prêmios, como o APCA de Melhor Espetáculo de Teatro e Melhor Ator de Teatro para Cleto Baccic.

Fui assistir e fiquei encantada! É um musical antigo, de 1965, montado no Brasil pela primeira vez em 1972, mas que tem músicas clássicas, que você reconhece mesmo não conhecendo nada sobre ele. Essa foi minha sensação, quando ouvi, por exemplo, The impossible dream, ou Dulcinéia. A parte musical é linda demais!

20170312_185908_32603260073_o

A história começa quando Miguel de Cervantes é internado em um manicômio (na versão original é uma prisão), e tem que defender-se em um julgamento proposto pelos demais internos. Ele recorre então a sua obra máxima, Dom Quixote, e passa a contar as aventuras de Alonso Quijana como o cavaleiro errante.

Quando fui assistir, a cantora Fafá de Belém fez uma participação especial, e foi muito bom poder vê-la ao vivo.

New York, New York!!

Nesta noite, tive o prazer de assistir mais um musical! Fui ver ´´New York, New York´´ que reestreou em temporada curtíssima no Teatro Sérgio Cardoso, a preços populares. A peça conta a história de amor entre a cantora Francine Evans e o saxofonista Johnny Boyle, ambientada na época do pós-guerra, em que as big bands faziam muito sucesso. As músicas são grandes canções das décadas de 30,40 e 50. Todas são muito conhecidas, então dá pra cantar junto!

Os personagens principais são interpretados por Kiara Sasso, e Juan Alba. Na noite em que fui, a Kiara foi substituída pela ótima Germana Guilhermme. Os figurinos são maravilhosos, principalmente os da Francine. Os bailarinos são incríveis, e os números de sapateado me impressionaram bastante.

Em cena , o Juan toca sax, mas ao final da peça, descobrimos que ele apenas dubla, e quem toca é um garoto! Mas me surpreendi com sua voz, como ele canta bem! Todos os números são cantados ao vivo, acompanhados por uma big band que está no palco. Ao longo das cenas, vemos a decadência das big bands, e o começo dos grupos menores, de 4 ou 3 cantores apenas.


Comprei o programa pra guardar de recordação, e estava bem baratinho, apenas R$ 5,00! Sentamos na primeira fila, então pude ver muito de perto os atores, sensação incrível!!

 Não percam por nada!! A temporada só vai até os dia 07/10!! O ingresso pode ser comprado pelo site www.ingressorapido.com.br

 

Pra quem é Addams!

Ontem realizei um dos meus sonhos: assisti um musical! Sempre amei os musicais, e há anos quero ver um ao vivo. Quando vi o musical da Família Addams no Teatro Abril, não pensei duas vezes!! Fomos eu, Fernanda e Naty. Estava quase tudo esgotado, mas conseguimos uns lugares ótimos, de frente para o palco, com uma visão perfeita.

Na bilheteria, vários artigos com o tema da Família para comprar. A camiseta da Wandinha era um charme! Comprei o programa de luxo, que conta toda a peça, ato a ato, em fotos, com trechos das músicas, lindo!! Tinha também guarda chuva, caneca, chaveiro. Tudo muito caro, óbvio. Um pote de pipoca custava R$ 18,00!

Começou então o espetáculo mais incrível que já vi!! Aos primeiros acordes da orquestra, logo reconhecemos o famoso ´´ tanananan´´ e o estalar dos dedos! É um musical da broadway, só que em português! A produção é idêntica, dizem aqueles que já viram lá fora. Os cenários são absolutamente maravilhosos, o figurino lindo! As músicas são ótimas também, mas o que mais me surpreendeu foi o humor da peça! É incrivelmente engraçada, você ri do começo ao fim, com os textos, e com as letras da músicas também.

A sinopse basicamente é assim: Wandinha está apaixonada por Lucas, e eles querem se casar. Ela então convida os pais de Lucas, e o próprio para conhecerem sua família num jantar na mansão dos Addams. Ocorre que eles são uma família do interior, certinhos, tradicionais, a mãe faz rimas bonitinhas e fofinhas. A partir do encontro das famílias nascem as mais engraçadas e inusitadas situações.

O elenco é fantástico, mas pra mim, quem rouba a cena é o Daniel Boaventura, que faz o Gomez! Ele está perfeito, charmoso, sensual,engraçado e tem aquela voz de tenor. A atriz que faz a Wandinha tem uma voz linda, e é ótima também, me surpreendeu. O tio Fester é um personagem que vai nos ´´contando´´ a história a cada ato, e protagoniza uma das cenas mais lindas do musical : quando ele namora com a lua, e ´´flutua´´ pelo palco, enquanto flores iluminadas cantam para os dois.

A Marisa Orth está muito bem como a Mortícia, e tem falas hilárias, mas creio que o Daniel Boaventura encarna tão bem o Gomez, que faz com que ela fique um pouco apagada.

E claro, há uma orquestra embaixo do palco, que simplesmente dá um show. O som é perfeito. Só de ver o maestro regendo os músicos ao vivo, é muito emocionante!

O primeiro número deixa qualquer um boquiaberto, com zumbis saindo de um tumulo, formando um coro e ballet lindos, juntamente com todo o elenco. ( procurem no youtube, a música se chama ´´pra quem é addams´´, é material de divulgação). Outra cena que adorei foi o tango da Mortícia e do Gomez.

Não tenho palavras para descrever como é bom, só vendo mesmo pra saber!! Quem está em SP, ou vem pra cá, não pode deixar de ir!

Confesso que meus olhos ficaram cheios d´água quando a cortina subiu.

Quanta emoção!

Como chegar:  Teatro Abril: Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 411 – Bela Vista  São Paulo, 01317-000

(0xx)11 2846-6060